CONTRA DENGUE
Com 118 casos de dengue, Leme faz mutirão com voluntários e enche 9 caminhões com entulho
80 funcionários de empresas do Distrito Industrial participaram da ação de limpeza como voluntários neste sábado (16). Cidade quer evitar uma nova epidemia como a de 2013.
19/03/2019 00h03
Por: Rádio Leme FM
Fonte: G1 São Carlos
291
Foram retirados 9 caminhões de entulho da cidade.
Foram retirados 9 caminhões de entulho da cidade.

Um mutirão de combate ao mosquito Aedes aegypti, em Leme (SP), encheu 9 caminhões com entulho e outros materiais que poderiam servir de criadouro, neste sábado (16). A cidade tem 118 confirmados de dengue e tenta evitar epidemia como a que ocorreu há 6 anos.

Voluntários

Além de 20 profissionais do Departamento de Zoonoses, 80 voluntários participaram da ação de limpeza no distrito industrial. Eles são funcionários das empresas que ficam no local.

"Não está só na mão do poder público, está mais na mão da população em poder combater essa doença e juntos vamos conseguir", afirmou o gerente de compras Paulo Eduardo Capelini.

“A dengue passa pela conscientização de cada pessoa. Então a pessoa é que vai fazer a diferença, o engajamento é natural da iniciativa privada com o poder público”, disse o gerente de RH Humberto Rocha.

Epidemia em 2013 e risco

Em 2013, Leme viveu uma epidemia de dengue e registrou 2.073 casos somente nos dois primeiros meses do ano.

Como uma parcela grande da população ficou doente, se a doença se espalhar de novo, muitas pessoas correm o risco de contrair o vírus pela segunda vez, o que aumenta chances de quadro mais grave.

“[A dengue hemorrágica] pode acontecer principalmente nas pessoas debilitadas em tratamento de doenças crônicas ou que tem a imunidade comprometida”, explicou o veterinário do Departamento de Zoonoses José Ricardo Matos Varzone.

Nenhumcomentário
500 caracteres restantes.
Seu nome
Cidade e estado
E-mail
Comentar
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos o direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.
Mostrar mais comentários